26/08/2010

Sem comentários (1)

8 comentários:

Rita Norte disse...

Também nem sei o que dizer!
Há pessoas mesmo sem escrupulos..
Beijinho

Justine disse...

Como é que isto é possível? Confesso que estou escandalizada! O pobre animal a chegar-se confiantemente à megera, e ela tem aquela atitude?? Não entendo esta gente.

Kássia Kiss disse...

O pior é que eu li ontem numa notícia (já não sei onde) que a mulher, instada sobre o motivo que a levou a fazer aquilo, respondeu que, naquele momento, achou que seria engraçado deitar o gato no lixo!!!!!

Engraçado?!

Nem quero pensar no que ela faz no dia-a-dia para se divertir :(

lis disse...

Que infeliz! merece algumnas bofetadas bem dadas essa mal amada!
nao quer o animal deixe-o na rua , mas não faça maldade .
será que alguém consegue conviver com essa " mulherzinha" ?

desculpe a indignação!
abraços

zeparafuso disse...

Há pessoas capazes de tudo. Pior que cadelas presas em apartamentos, presas por coleiras. Parece também que a mulher vai ser condenada, como ou a quê, não sei. Agora a mulher deve estar a pensar que mais valia não ter saído de casa. Há dias assim.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Há uns tempos escrevi um artigo para uma revista ( que depois reproduzi lá no Rochedo) com o título "Crime no Ecoponto". Relatava uma cena, presenciada por mim,de um cadáver de um cão no Ecoponto. Houve quem não acreditasse na história, apesar de ser real. Pena na altura não ter fotografado a cena.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Volto, só para dizer que vo fazer link. Obrigado

Rosa dos Ventos disse...

Uma besta, esta criatura!
Desculpa o termo...

Abraço