05/10/2010

A bondade e a solidariedade


Hoje fui ver Wendy and Lucy e independentemente do resto da história a relação de Wendy com a sua cadela  veio reforçar a minha certeza de o quanto os animais são espectaculares. Confesso que chorei porque me lembrei do meu cão.
Nesta crise de valores que afecta a nossa república lembrei-me da importância da bondade e da solidariedade.
O mundo da blogue-esfera e o facebook estão cheios de histórias de maus tratos a animais mas também com 
muitos exemplos de pessoas espectaculares que fazem tudo para dar alguma dignidade aos animais.
Pergunto-me muitas vezes como é possível um dono fazer mal ao seu animal, nunca viu o seu olhar carregado de amor. Eles dependem de nós, dão tanto  e pedem tão pouco.
Gostaria de voltar a ter cão, mas mudei de emprego e estou mais de 12horas fora de casa. Como posso ter um cão? Um cão gosta de companhia, é um ser que necessita de interagir com  o seu dono. Assim fico-me pelos gatos.
Deixo aqui uma lista de sites de gente extraordinária que se dedica a ajudar animais. Muitos de nós não podem ser voluntários, mas com maior ou menor sacrifício podemos fazer um donativo, 5€ que seja por cada pessoa fará a diferença. É verdade que estamos em crise, é verdade que cada vez nos sobra mais mês ao fim do dinheiro, mas se pensarmos bem, podemos ajudar de alguma forma.
A todos os que olham pelos animais a minha gratidão
São apenas algumas das associações, escolha uma acaso, olhe para as fotos, descubra o trabalho que está por detrás de cada uma destas associações; depois ou se torne voluntário ou ajude, mas por favor, faça alguma coisa!
Podemos fazer  a diferença, tal como nesta história:

 Um homem caminhava pela praia, quando avistou uma criança que se abaixava, pegava alguma coisa e jogava no mar. Ao aproximar-se, viu que eram estrelas-do-mar que o menino jogava na água. Então, perguntou: - O quê você está fazendo? - Estou pondo estas estrelas-do -mar de volta na água, senão elas morrem na praia, respondeu o jovenzinho. - Menino ... disse o homem, com ares de sábio, há milhares destas estrelas-do-mar na areia. Não dará tempo de você salvar todas elas...
-Mas posso salvar esta, e mais esta e mais esta...



imagem daqui

11 comentários:

lis disse...

Adoro filmes com cães , geralmente são lindos.Minha filha tinha uma cadelinha da raça labrador linda , inteligente mas nao tivemos condiçoes de ficar com ela porque exigia espaço e é uma raça com muita energia.
Ah como adoro gatos , se pudesse teria vários .
Acho importantes as ajudas a entidades protetoras , se forem sérias, é preciso pesquisar bem.
deixo abraços

Isa GT disse...

A vida vai ficar cada vez mais difícil e para os animais,... nem quero pensar nisso porque hoje, isto já anda mais do que cinzento.

Bjos

Lilá(s) disse...

Eu que adoro animais, adorei também o teu post de hoje, Lindo!
Bjs

Fê-blue bird disse...

Adoro os animais e impressiona-me ver como pode alguém maltratá-los.
Tenho uma gata linda que é a minha companhia diária.
Aliás tenho um blogue dedicado a ela onde falo também do respeito que devemos ter para com todos os animais.
Adoro o seu blogue,vou ficar por aqui!
Agradeço também o apoio que me tem dado no " A voz das Palavras"

Beijinhos

Kássia Kiss disse...

Se está mais de doze horas fora de casa, acho louvável a sua atitude de não adoptar um cão, embora o desejasse. Esse é o erro de muita gente, é por falta de tempo que muitos cães são abandonados.

Sim, um cão precisa de muita companhia, deve ficar, no máximo, meio dia sozinho (uma manhã, ou uma tarde). E isto se já tiver aí uns 5 meses de idade. Um cachorrinho entre os 2 e os 3 meses não deve ficar sozinho, nunca.

JPD disse...

Ter animais é salutar.
Ter animais e ser capaz de cumprir as exigências de cada um, de cada raça ou estirpe é excelente.
Ter animais e respeitar aqueles que os não têm porque acharam que seria imprudente, é bom.

A quantidade de gente e animais desvinculados e desentendidos, abandonados é clamoroso.

Essa situação repete-se constantemente.

Justine disse...

O teu apelo é comovente e com certeza haverá muitas respostas de ajuda! Os aminais merecem a nossa gratidão pelo que nos dão de lealdade e companhia.

Rosa dos Ventos disse...

Lindo o teu post!
Se pudesse comprava uma quinta que encheria de cães e gatos... :-)9

Abraço

legivel disse...

... retive um frase que me diz que gostas (e te preocupas) com os animais: "... estou mais de 12 horas fora de casa. Como posso ter um cão?"

Multiolhares disse...

bem podíamos aprender com o amor e a simplicidade das crianças. se salvarmos nem que seja um só ser vai fazer toda a diferença para quem sobrevive no fundo temos opção na vida de tantos seres porque ficamos parados.
Bj

Eliete disse...

Relembrar esta história foi muito bom. precisamos exercitar a esperança e a crença que nossas ações podem modificar o mundo. bjs, Eliete