19/10/2010

Fez-se justiça em Portugal...



imagem daqui
VALE A PENA PERDER um minuto A LER ESTE ARTIGO….
 Fez-se Justiça em Portugal. Finalmente..................... yupiiiiiiiiiiiiiiiiiiii
*A justiça portuguesa está de parabéns!

* Depois de anos e anos a batalhar eis que surgem os primeiros resultados.
· Desde a morte de Francisco Sá Carneiro e do eterno mistério que a rodeia,
· Ao desaparecimento de Madeleine McCann,
· Ao caso Casa Pia
· Do caso Portucale
· Da compra dos submarinos
· Às escutas ao primeiro-ministro
· Do caso da Universidade Independente
· Ao caso da Universidade Moderna
· Do Futebol Clube do Porto
· Ao Sport Lisboa Benfica
· Da corrupção dos árbitros
· À corrupção dos autarcas
· De Fátima Felgueiras
· A Isaltino Morais
· Da Braga parques
· Ao grande empresário Bibi
· Das queixas tardias de Catalina Pestana
· Às de João Cravinho
· Dos doentes infectados por acidente e negligência de Leonor Beleza com o vírus da sida.
.Do processo Costa Freire / Zeze Beleza, quem não se lembra ?
· Do miúdo electrocutado no semáforo
· Do outro afogado num parque aquático
· Das crianças assassinadas na Madeira
· Do mistério dos crimes imputados ao padre Frederico
· Do autarca alentejano queimado no seu carro e cuja cabeça foi roubada do Instituto de Medicina Legal
· A miúda desaparecida em Figueira
· Todas as crianças desaparecida antes delas, quem as procurou
· As famosas fotografias de Teresa Costa Macedo. Aquelas em que ela reconheceu imensa gente 'importante', jogadores de futebol, milionários, políticos.
· Os crimes de evasão fiscal de Artur Albarran
· Os negócios escuros do grupo Carlyle do senhor Carlucci em Portugal.
· O mesmo grupo Carlyle onde labora o ex-ministro Martins da Cruz, apeado por causa de um pequeno crime sem importância, o da cunha para a sua filha.
· E aquele médico do Hospital de Santa Maria, suspeito de ter assassinado doentes por negligência
Pois é... a justiça portuguesa está de Parabéns!
Depois de anos e anos a batalhar eis que surgem os primeiros resultados.
MULTADO POR GUIAR BURRA EMBRIAGADO
O agricultor que há uma semana foi apanhado a conduzir embriagado uma carroça puxada por um burra, na EN 17, em Celorico da Beira, foi ontem, quinta-feira, condenado, em processo sumário, a pagar 450 euros de multa. Pena pode ser substituída por trabalho comunitário, (Pois este sr. trabalha e não vive com qualquer subsidio do governo)
Jorge Rodrigues, de 34 anos, agricultor, foi condenado pelo Tribunal Judicial de Celorico da Beira, neste caso, a juíza Cláudia Jesus, que considerou “muito grave” o crime pelo qual o agricultor ia acusado, aconselhou-o a nunca pegar num veículo, seja ele a motor ou de tracção animal, depois de ter bebido, condenou um homem apanhado com uma taxa de álcool no san.uma pena de 90 dias de multa, à razão de cinco euros por dia, por ter sido apanhado a 11 de Agosto a conduzir o veículo de tracção animal com uma taxa de alcoolemia de 2,85 g/l no sangue.
O valor mínimo da multa aplicada, que totaliza 450 euros, teve em conta, segundo a juíza de turno que ditou a sentença, a situação social do arguido e o facto de ser primário. Foi-lhe ainda aplicada, como pena acessória, a inibição de conduzir qualquer veículo motorizado por um período de sete meses.
A pena exclui a proibição de o arguido guiar a carroça puxada pela burra, o meio de transporte que mais utiliza, pese embora ter licença, segundo o próprio, para conduzir tractores e motociclos." Venda a burra se ela for uma tentação”, desafiou
Até que enfim.... e em tempo recorde 8 dias depois julgado e condenado !!!!!!!!!!!!!!
YEAAAAAAAAH!...
Agora sim, sinto-me mais seguro !
Recebido por e-mail

14 comentários:

lis disse...

... e assim caminha a humanidade !
ô tempos difíceis !
estamos bem com a justiça dos nossos países, se for enumerar também , vai ficar ainda maior a lista!
vai entender nossa gente!

meus abraços

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Entretanto, o STJ absolve Domingos Nóvoa (Bragaparques) do crime de corrupção e os juízes armam-se em vítimas e dizem-se perseguidos pelo Estado. Julgava que o lugar do palhaço neste circo Portugal estava ocupado, mas afinal o juiz sindicalista veio decretar que a sua classe é forte candidata a integrar o elenco.

Rafeiro Perfumado disse...

CLAP! CLAP! CLAP! Quem disse que em Portugal não havia justiça, quem foi? Isto é só o princípio, tremei, meliantes!

JPD disse...

Pois...

O nosso país é conhecido por ser um dos que melhor Direito tem e o que pratica menos Justiça.

Pois...

Acho que tens razão:

«Fez-se justiça e celeremente...»

Vieira Calado disse...

Por acaso,
já tinha lido.

Mas vale a pena reler!

Saudações poéticas

Fê-blue bird disse...

São notícias destas que nos mostram que quando eles querem trabalham!
Só que o alvo é sempre o mesmo, os mais desfavorecidos!

Uma vergonha!

Beijinhos

Lilá(s) disse...

Também recebi esse e-mail , só não sei se é verdade, parece-me demasiado anedota...
Bjs

lis disse...

Oi passando pra deixar um abraço
deixei um comentário há alguns dias mas nao está publicado.
será que perdeu-se? rsrs

grande texto infelismente , realidade mais comum do que gostaríamos.

Justine disse...

Pela ironia se vai denunciando os abusos que impunemente se praticam neste pobre país traído...

zeparafuso disse...

É a justiça que temos!!! Melhor? Só nos desenhos animados!!!

Kássia Kiss disse...

Lilá(s), é verdade! Li essa notícia (apenas a notícia, não a introdução acerca da justiça) ainda em Agosto, no blogue do jornalista Pedro Rolo Duarte, que a tinha tirado de um jornal diário (agora, não me pergunte qual).

Kássia Kiss disse...

Pesquisei e encontrei, Lilá(s)! Veja aqui:

http://pedroroloduarte.blogs.sapo.pt/158957.html

Também para todos os outros que estiverem interessados, claro! A notícia saiu originalmente no Correio da Manhã (está lá o link).

Rosa dos Ventos disse...

Tudo irá melhorar na Justiça!
Vão gastar cerca de 5,6 milhões de euros em horas extraordinárias, para, finalmente ficar tudo em pratos limpos...
É que não conseguem resolver todos os casos difíceis ao mesmo tempo como este do homem embriagado a conduzir uma burra que por sinal estava sóbria!
E uma burra sóbria não precisa que a conduzam! :-))

Abraço

aquelabruxa disse...

pobre burra.